top map
Espectáculos
A Rua dos Fantasmas 1986
De Javier Villafañe

Ficha artística

  • Texto: Javier Villafañe
  • Versão teatral: Carmen Prast sobre o texto «El metal y la madera»
  • Direcção: Bibi Prestrelo
  • Musica: Rui Luís Pereira com a colaboração de Zé Carrapa
  • Cenografia: Guida e Pedro Saraiva
  • Figurinos e Fantoches: Henrique Nunes
  • Fotografia: Luís Pavão
  • Cartaz: Henrique Nunes
  • Intérpretes: Silvina Pereira, Isabel Bezelga, Carlos Paula Vasconcelos

Espectáculo para a infância
Estreado a 17 de Maio de 1986 na Casa dos Tabuenses em Lisboa

Cartaz

Imprensa

Textos

É uma obra para actores – bonecos; pretende ser uma escada que se estende ao espectador para que o menino – poeta que dorme dentro dele ascenda ao Universo poético de João I e João II, bonecreiros ambulantes que, apesar das suas debilidades e defeitos, andando de praça em praça e divertindo as crianças contribuíram para criar o imaginário essencial de toda a cultura.

«A vida há que vivê-la... todos os dias...», diz-nos o autor que desde a adolescência se dedicou à sua vocação de titeriteiro. “Com La Andariega - um carro puxado por dois cavalos – saí de Buenos Aires em 1934 juntamente com o poeta Juan Pedro Ramos percorrendo as povoações do interior.

O teatro armava-se no mesmo carro com a lona colorida. Ao alto, como único adorno, o recorte da figura do «Gallo Pinto», um catavento de lata, imóvel, invariavelmente assinalando o norte”.